UOL Carros Grupos de Discussão

17/08/2010

O que você achou do New Fiesta?

Permitindo que os jornalistas de internet dessem apenas duas voltas com o carro, num circuito extremamente restrito e numa rápida sessão dentro de uma pista de testes, a Ford fez nesta terça-feira (17), em Dearborn, nos Estados Unidos, uma apresentação voltada principalmente ao marketing das supostas qualidades do New Fiesta, deixando em segundo plano a experimentação propriamente dita -- que , de nossa parte, será publicada de modo completo quando do empréstimo do modelo em solo brasileiro.

Uma das voltas foi a bordo de um Fiesta versão SEL, a mais completa da gama norte-americana, mas inexistente no Brasil. Na seguinte, guiamos um exemplar da SE, na mesma configuração que chegará ao país. Da comparação dos dois pacotes ficou a certeza de que o consumidor verde-amarelo merecia -- mas não terá -- o melhor, embora siga pagando bastante para ter um carro zero.

A bordo do New Fiesta que chegará ao Brasil, o desnível de conteúdo é justificado pela Ford com o argumento de que é melhor oferecer um preço competitivo -- os iniciais R$ 49.900 e o teto de R$ 54.900 -- do que recheio a mais, mas sob risco de subir demais o preço ou apresentar problemas de durabilidade. Assim, nada de opções de personalização, nada de LEDs e nem Bluetooth, que teria de vir junto com o sistemas de rádio por satélite, ausente no Brasil, e Sync (existente no sedã médio-grande Fusion e no crossover Edge).

O que você achou do New Fiesta? Dê sua opinião

* As informações são do UOL Carros.